Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Encontro com a História: Foucault em dois tempos

  • Publicado: Segunda, 28 de Agosto de 2017, 17h03
  • Acessos: 763
Terça-feira dia 29 de agosto, às 14h, no Auditório do Prédio Anexo: mesa redonda com Nelson Matos de Noronha (UFAM) e Henrique Antoun (UFRJ) e mediação de Priscila Faulhaber (MAST). 

Dentro da programação do "Encontro com a História", esta mesa redonda apresentará reflexões sobre dois momentos da trajetória de Michel Foucault. Longe de ser linear, o pensamento deste filósofo contudo evoca em seu percurso questões relacionadas à ética, ao poder à loucura e aos limites da razão. Na primeira palestra, serão abordados pontos de sua tese de doutorado, quando trabalhou, na história da loucura, sobre razões e desrazões na modernidade. Já na segunda palestra, que toca temas que discutiu ao final de sua vida, trata-se do cuidado de si, o público e o cálculo das paixões, no que diz respeito à gênese da razão nas lutas e movimentos sociais.

Após a mesa redonda, às 16h haverá um coquetel de lançamento do livro "Doença mental e liberdade: Foucault e a problematização da ética em História da Loucura" de autoria de Nelson Matos de Noronha.

Sobre os Palestrantes:

Nelson Matos de Noronha é Professor Associado IV do Departamento de Filosofia da Universidade Federal do Amazonas (UFAM); é doutor em filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Publicou diversos livros entre eles "História dos Saberes sobre a linguagem: a questão de suas descontinuidades segundo Michel Foucault". Atua como Professor e Pesquisador no Programa de Pós-graduação em Sociedade e Cultura na Amazônia, no PPG de Sociologia e no PPG de Filosofia (PROF-FILO) da UFAM.

Henrique Antoun é doutor em Comunicação pela UFRJ; tem doutorado Sanduíche em Sociologia da Comunicação pela Universite de Paris V (Renée Descartes) e pós-doutorado no McLuhan Program in Culture and Technology da Universidade de Toronto. Atualmente é professor associado da Universidade Federal do Rio de Janeiro e coordena o CIBERCULT - laboratório de comunicação distribuída e transformação política na Escola de Comunicação da UFRJ.

 

 

 

 

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página